Arquivo da tag: dicas

9 crimes da beleza: deixe de lado hábitos que prejudicam sua pele

Algumas manias parecem irresistíveis e até inofensivas – como pegar o batom da amiga emprestado -, mas por trás de velhos hábitos se escondem os maiores assassinatos à sua beleza. Descubra como sair inocente dessas roubadas.

Juliana Romano

Conteúdo MDEMULHER

Acredite: retirar a maquiagem te deixa mais bonita!
Foto: Getty Images

1. Dormir de maquiagem

Dormir de maquiagem uma vez na vida não faz mal, mas quando o hábito se torna frequente, pode causar danos à sua beleza. Não fazer a limpeza direito pode entupir os poros e favorecer o aparecimento de cravos e espinhas, manchas e até os cílios podem ficar quebradiços. Além de causar sensibilidade e irritações. Com o tempo os resíduos na pele contribuem para a degradação do colágeno e da elastina acelerando o processo de envelhecimento. Inclua o hábito na sua rotina: antes de dormir, passe demaquilante, lave o rosto com um sabonete de limpeza e creme hidratante, específicos para o seu tipo cutâneo.

2. Esfregar os cílios para retirar a máscara

O rímel é power e não sai nem com reza brava? Evite a todo custo limpar friccionando os fios! Isso pode levar à queda e quebra dos pelos, que com o tempo ficam com menos volume e mais curtinhos. Esfregar com força também faz a região ficar mais sensível e suscetível ao aparecimento de linhas finas e rugas precoces. Se a máscara for à prova d’água, deposite o demaquilante sobre os cílios e aguarde alguns minutos enquanto ele amolece o produto. Depois retire com um pad de limpeza.

3. Puxar a pele descamando

Pode ser irresistível puxar aquela pelinha que está descascando, mas se ela ainda está presa ao seu corpo, é porque a pele por baixo ainda não cicatrizou. Arrancá-la pode até causar uma ferida. Mantenha a calma, espere a pele sair sozinha e invista em uma hidratação power e esfoliação suave a cada 15 dias.

4. Economizar no protetor solar

Eles são caros e devem ser reaplicados a cada 2 horas, é verdade, mas se for para economizar, melhor nem ficar exposta ao sol! Tudo que você economizar em protetor, gastará depois em loções pós sol para queimaduras – além do incômodo da vermelhidão e das horas sem dormir. Com o tempo, podem surgir manchas e a pele fica mais suscetível ao câncer de pele. O ideal é cobrir completamente a superfície e nunca usar FPS menor que 15.

 

Evite espremer cravos e espinhas! Se necessário recorra a produtos secativos
Foto: Getty Images

5. Espremer cravos e espinhas

Além de deixar uma ferida aberta a todas as bactérias presentes no ar, espremer espinhas pode deixar uma marca e até manchas na pele. Caso a ponta esteja muito amarela, até dá para tirar, mas só depois do banho com a região e as mãos limpas e sem usar as unhas!

6. Ficar passando a mão no rosto

Tem mania de afastar a franja toda hora, coçar a testa ou apoiar a bochecha nas mãos? Esses hábitos transferem as bactérias das mãos para a face, contaminando a pele e aumentando a chance de acne e infecções. Se você já sofre com o excesso de brilho, saiba que essas manias também transferem a oleosidade das mãos para a pele e cabelo.

7. Não limpar os pincéis de make

Já pensou como ficariam suas roupas se você nunca as colocasse para lavar? Os pincéis são assim também. As bactérias da sua pele ficam se acumulando e proliferando entre as cerdas, se não forem lavadas aquilo volta de novo para o seu rosto. O problema é essa “sujeira” se acumular nos poros e gerar cravos e espinhas. Lave o seu kit de pincéis com sabão neutro a cada 2 meses no máximo!

8. Usar maquiagem compartilhada ou emprestada

Se usar seus próprios pincéis sujos já pode causar incômodos, imagine usar os de outra pessoa? A situação fica ainda pior quanto os compartilhados são batons ou máscaras para cílios.  O batom, por exemplo, leva com ele fungos, vírus e bactérias presentes na saliva que podem causar doenças como sapinho, herpes labial, mononucleose e gengivite. Tenha sempre um nécessaire de primeiros socorros na bolsa e se fizer maquiagem com profissionais certifique-se de que eles usam materiais descartáveis.

9. Usar produto vencido

O resultado pode ser muito mais sério que somente a mudança de cheiro ou a perda da pigmentação do produto. Você corre o risco de ter alergias, que podem gerar manchas na pele, irritações, dermatites e até infecções. Batons e lápis para os lábios, por exemplo, podem causar alergias e ressecamento nos lábios. Já máscara para cílios, sombras, lápis de olho e delineadores podem provocar uma conjuntivite alérgica nas pálpebras. Venceu? Jogue fora!

Fonte: M de Mulher

4 segredos para ter pescoço e colo mais bonitos

Dermatologista dá dicas de como manter a pele do pescoço e do colo em dia com cosméticos e tratamentos realizados em consultório médico.

cuidados-pescocos-colo-beleza-44709

Aplique sempre no pescoço hidratantes que ofereçam hidratação profunda
Foto: Getty Images

Para manter a beleza em dia, não basta cuidar do rosto e do cabelo. O corpo também deve entrar para essa rotina. Mas além das pernas, braços, mãos, pés e barriga; pescoço e colo também exigem cremes e tratamentos frequentes. Ficou na dúvida de como torná-los mais bonitos? A dermatologista Bianca Gastaldi ensina…

1. Entenda

“A pele do pescoço é mais fina e sensível do que a do rosto, o que a torna mais seca e flácida. Por também se tratar de uma área com cicatrização pouco eficiente, as marcas do tempo acabam ficando mais evidentes. Para evitar o problema, aplique todos os dias um hidratante. A forma correta é do centro para as laterais e de baixo para cima”, afirma Bianca.

2. Proteja

“Uma preocupação recorrente nesta região são as rugas e as manchas. Essas últimas podem ser causadas pelo uso inadequado de cosméticos, em especial os perfumes. Eles podem provocar manchas escuras na pele se ela ficar exposta ao sol. A fim de evitar que isso aconteça, adote um protetor solar com FPS alto”, diz.

3. Cuide

“Use os mesmos produtos que você costuma aplicar no rosto: sabonete específico, exfoliante, filtro solar e sérum com ativos antienvelhecimento. A única diferença são os cremes. Os mais indicados para o pescoço são os que oferecem hidratação profunda. Os noturnos devem ser usados 30 minutos antes de se deitar”, explica.

4. Trate

“Se você acha que um esforço maior deve ser feito, invista em procedimentos de alta potência realizados em consultório dermatológico. O Ulthera, ultrassom que combate a flacidez, estimula a produção de colágeno e elastina, é um dos mais eficientes. A sessão custa em média R$ 3 mil e deve ser feita uma vez por ano”, afirma Bianca.

Fonte: M de Mulher

Alimentação e hábitos saudáveis são fundamentais para ter cabelos bonitos

Quer ter cabelos dignos de estrela? Além de cuidar da estética dos fios é preciso se preocupar com a saúde. Aprenda a ter as madeixas sempre fortes e bonitas.

Não tem jeito: uma das principais preocupações das mulheres vaidosas é o cabelo. Afinal, estamos falando da moldura do rosto e de um dos responsáveis pelo bom humor diário. Quem nunca sofreu de bad hair day?

Entretanto, não é só o corte, cor ou forma que determina a beleza dos fios, mas, também, a força da fibra capilar. De nada adianta se preocupar com a estética das madeixas se internamente a saúde dos fios não andam nada bem.

Os primeiros sinais de um cabelo fraco são notados pela densidade da massa do fio, que fica ralo e cheio de pontas duplas, e da falta de brilho. “É bom lembrar que um cabelo fraco pode ser indício de que alguma coisa está errada ou desequilibrada no organismo com a alimentação, com os hormônios ou, até mesmo, com os órgãos vitais, como o fígado”, alerta o dermatologista e tricologista Valcenir Bedin, de São Paulo.

Mas não há motivo para pânico, ok? Às vezes, o que sua cabeleira precisa é só um pouco mais de cuidado com aquilo que você ingere e como são seus hábitos na hora de cuidar dela no dia a dia. Abaixo, tudo aquilo que você deve se atentar!

Alimentação equilibrada: tudo a ver!
Não é só a boa forma que agradece uma dieta equilibrada e rica em alimentos frescos. Os cabelos também sofrem quando não há atenção na hora das refeições. Tudo porque alimentos gordurosos e cheios de conservantes dificultam a circulação do sangue e impedem que os nutrientes cheguem até os fios.

“Para quem deseja fortalecer os fios, a boa pedida é investir em proteínas, como peixes, ovos e carnes, que por serem ricas em taurina, um tipo de aminoácido, melhoram a hidratação e estimulam o crescimento dos fios”, indica a especialista em saúde dos cabelos Renata Souza, proprietária do Spa Dios, em São Paulo.

E sabe toda aquela onda de suco verde para secar a silhueta? Você pode aderir à moda e beneficiar também a saúde dos fios. “Indicamos a bebida, que é rica em ferro, vitaminas e minerais, para melhorar o aspecto do cabelo, que ganha muito mais força e brilho após um mês de ingestão do suco diariamente”, ressalta Renata. Para melhor aproveitamento dos nutrientes pelo organismo, tome o suco em jejum pela manhã.

Nutricosméticos: pode adotar!
Como o organismo destina as vitaminas e minerais primeiramente para outras partes do corpo, é natural que os cabelos não recebam a quantidade de nutrientes necessária para obter força e saúde. Ainda mais se falando de mulheres que vivem se alimentando mal devido à correria.

“Optar pelo consumo de cápsulas de nutricosméticos específicas para o tratamento capilar é ideal quando se pensa em ter resultados significativos no que se refere à força e saúde dos fios”, afirma o Valcenir Bedin. As mais indicadas são aquelas que têm na composição óleo de linhaça, vitamina C, zinco, licopeno e manganês. Só que vale o aviso: o tratamento deve ser feito no mínimo por três meses para que se possa ver a cabeleira ganhar status de cabelo nota-mil.

Hábitos que fazem a diferença
Água quente nos fios, nem pensar. “A temperatura ideal é em torno de 22 graus para manter a saúde do bulbo e não ressecar os fios”, indica a hairstylist Zenilda Araújo, proprietária do ZCoiffeur, do Rio de Janeiro.

Tenha a prateleira do banheiro sempre bem equipada com uma boa máscara à base de proteínas e óleo reconstrutor. “É sempre bom recorrer aos cremes de hidratação quando o cabelo passar por alguma agressão externa, como coloração, poluição, suor ou sol, para não promover um desgaste ainda maior com o passar do tempo”, ensina o tricologista Rahim Hansen, do salão Vimax Hair Beauty, de Curitiba.

Manter o couro cabeludo sempre limpo garante que os fios recebam as vitaminas necessárias para desenvolver força e beleza ao longo do tempo.

Força capilar em alguns goles
A nutricionista funcional Andrea Santa Rosa Garcia, do Rio de Janeiro, montou duas receitas power para quem precisa dar literalmente uma forcinha aos fios. Anote!

Suco de vegetais
1 maça
½ cenoura
½ inhame
1 folha de couve
1 colher de sopa de aipo
1 pedacinho de gengibre
1 colher de café de linhaça
Preparo: Bater todos os ingredientes no liquidificador, coar e servir em seguida.

Suco de maracujá, manga e gengibre
1 maracujá
1 fatia grossa de manga
1 pedacinho de 1 cm de gengibre
100-150ml de água gelada
Preparo: Bater todos os ingredientes no liquidificador, coar e servir em seguida.

Fonte: Delas IG

Banhos terapêuticos

Veja como fazer do banho comum, um banho para relaxar.

Banhos terapêuticos

 

O banho, muitas vezes é a primeira situação que vem à mente quando queremos relaxar, e os banhos terapêuticos têm a capacidade de renovar as energias.

Na antiguidade, era comum reis e rainhas tomarem banhos de imersão com ervas aromáticas devido às propriedades relaxantes, revigorantes e hidrantes; ou até mesmo com pétalas de rosas, como o famoso banho de leite e rosas que Cleóprata tomava para manter a beleza.

Atualmente este banho é tratado como terapia alternativa, pois proporcionabenefícios como o combate ao estresse; revitalização do corpo agindo sobre a pele e os músculos; além de auxiliar nos tratamentos de artrite, artrose, luxações e torções.

O banho para desintoxicação e relaxamento do corpo, tradicional na cultural oriental, alivia dores provocadas pelo estresse do dia a dia e auxilia no tratamento da TPM.

Banhos terapêuticos

 banho banheira

Você pode preparar um banho terapêutico na sua própria casa. Reserve um tempo livre, desligue o celular, coloque uma música agradável, escolha a erva terapêutica de sua preferência e relaxe, dedique-se somente a esse momento.

Você também pode optar pelo banho de ofurô, disponível em centros de estéticas ou spas. A banheira do ofurô é mais profunda que as banheiras ocidentais tradicionais, por isso a coluna do indivíduo fica totalmente submersa. Acredita-se que se a pessoa permanecer em posição fetal na hora do banho ocorre uma melhora no fluxo energético do corpo.

Este banho aumenta o metabolismo através da transpiração, o que favorece a eliminação das toxinas que causam cansaço físico e mental, dores e envelhecimento, pois a temperatura do corpo pode chegar a quase 40ºC.

Ervas terapêuticas e suas propriedades:

  • Eucalipto: problemas respiratórios, reumatismo, insegurança
  • Lavanda: stress, dores de cabeça e tensão muscular
  • Alfazema: fadiga, circulação sanguínea
  • Maracujá: calmante, relaxante
  • Arruda: proteção espiritual, energia
  • Erva-doce: problemas intestinais, cólicas, irritabilidade
  • Chocolate: relaxamento promove o bem-estar, hidratante
  • Rosas: inflamações, depressão

Banhos nos pés: a simplicidade que funciona

 escalda pés

Nos pés estão localizados mais de 70 mil pontos nervosos e, segundo a Medicina Chinesa , o aquecimento desses pontos promove um relaxamento imediato e melhora o fluxo energético do corpo todo.

O dia a dia corrido, o uso demasiado de sapatos apertados ou de salto alto, resultam em pés e pernas cansados e doloridos. Você pode preparar uma receitinha caseira para aliviar as tensões é simples e eficiente.

É necessário esquentar água, colocar em uma bacia e deixar os pés descansando na água quente por no mínimo 20 minutos. Além disso, você pode incrementar o escalda pés acrescentando sais de banho, ervas e óleos vegetais, ou ainda, diluir arnica que ajuda a reduzir o inchaço dos pés.

Se você quiser aproveitar o momento para fazer uma massagem nos pés coloque bolinhas de gude na bacia e faça movimentos com os pés sobre elas. Veja como fazer o seu Day SPA em casa.

Fonte: BBEL

Guia do demaquilante

Ele é necessário para limpar a pele, mas gera muitas dúvidas na hora da compra. Qual tipo escolher? Como aplicar? Aqui, tudo o que você precisa saber sobre demaquilante

Uma pele bem cuidada não depende somente de cosméticos de tratamento e uma boa alimentação, mas, também, de atenção aos detalhes, como a remoção da maquiagem. É justamente neste cenário que entra o demaquilante.

Mas não basta somente tê-lo em mãos, é necessária a escolha da versão correta do produto (entre tantos que existem no mercado) para uma pele livre de resíduos. E com a missão de sanar todas as dúvidas no que se refere ao produto em questão, logo abaixo um guia definitivo sobre este item que não pode faltar jamais na sua prateleira!

Cremoso
Como é: por ter um aspecto mais denso, como o de um hidratante, o produto carrega na formulação, além dos agentes de limpeza, componentes hidratantes. Por ser cremoso, consegue remover a maquiagem mais pesada com mais eficiência sem agredir tanto a pele.

Indicado para: peles muito sensíveis ou com rosáceas por não proporcionar tanto atrito ou agressão à face no momento da limpeza facial.
Contraindicado: se sua pele é oleosa, fique longe desta versão que tem doses extras de ativos hidratantes na fórmula e pode proporcionar ainda mais oleosidade à derme. Caso use, a dica: logo após o demaquilante cremoso, lave o rosto com sabonete específico para pele oleosa e passe um tônico facial para equilibrar a ação hidratante na pele.
Dica do especialista: “O demaquilante cremoso pode ser um ótimo aliado na hora de retirar o batom mate da boca, este que é mais difícil de sair, deixando os lábios livres de qualquer sinal de cor”, sugere o beauty artist Gustavo Almeida, do salão Espaço Be, de São Paulo.

Bifásico

Como é: uma versão que traz no conteúdo duas fases: uma aquosa e outra oleosa. Tem como característica ser mais leve que os demais por ter uma quantidade maior de água na formulação, dissolvendo rapidamente a maquiagem.
Indicado para: retirar maquiagem à prova d’água, principalmente os produtos usados na região dos olhos.
Contraindicado: dever ser evitado em pele oleosa ou com tendência à acne. Se é o seu caso, prefira usar este tipo de demaquilante apenas nos olhos e boca, e apenas para maquiagem muito resistente à água.
Dica do especialista: “Ter esta versão sempre à mão na hora de fazer a maquiagem é uma ótima pedida para consertar erros que surgem durante a produção do make, como o delineado gatinho, a máscara de cílios e o batom mate que sempre insistem em borrar”, sugere a maquiadora Giovanna Morrell, de São Paulo.

Lenço

Como é: toalhas umedecidas com componentes removedores de maquiagem e ativos de hidratação da pele. Com versões para todos os tipos de pele, é prático para carregar na bolsa ou levar em viagens.
Indicado para: retirar o make em locais que não se pode lavar o rosto ou em momentos que a preguiça fala mais alto. Entretanto, não substitui o uso de outro demaquilante e limpeza facial com sabonete, pois não retira todos os resíduos e sujeira da pele.
Contraindicado: para pele muito sensíveis ou com acne por causa do atrito que provoca na derme no momento do uso.
Dica do especialista: “Não deve ser usado todos os dias por não ter ação de limpeza tão eficaz como os demais. Vale carregar na bolsa para retirar a maquiagem no trabalho, no carro ou em viagens”, sinaliza a dermatologista Marcella Alves, da Clínica Les Peaux, do Rio de Janeiro.

Água Micelar

Como é: na verdade não é um demaquilante, mas, sim,uma loção facial que carrega na fórmula ativos que limpam e acalmam a pele, respeitando o equilíbrio fisiológico do tecido. O produto é o novo queridinho entre as mulheres que fazem o uso constante de ácidos ou passaram por algum procedimento estético facial que deixou a pele mais sensível e exige atenção redobrada em tudo que se aplica no rosto.
Indicado para: peles sensíveis ou com acne por ter ativos que ajudam a cicatrizar espinhas e acalmar a pele.
Contraindicado: na remoção de maquiagens à prova d’água, por não ter tanta eficácia.
Dica do especialista: “Por limpar, tonificar e hidratar de uma só vez, o produto é uma boa escolha para levar no nécessaire de viagem, já que ocupa o lugar de três itens cosméticos”, indica Giovanna Morrell.

Fonte: Delas IG

Top maquiadores dão as melhores dicas para as sobrancelhas

As sobrancelhas dão contorno e expressão ao rosto e vêm ganhando espaço no make há algumas temporadas. Confira maquiá-las de forma que fiquem naturais, sem parecerem forçadas ou fake.

Dicas dos maquiadores

Pedimos para 5 top maquiadores nos contarem os truques, que eles usam na hora de corrigir ou preencher as sobrancelhas.

Marcelo Gomes

“Passe a sombra no pincel chanfrado e tire o excesso no dorso da mão. Depois vá preenchendo as falhas, começando pela raiz do pelo – de baixo para cima e com o pincel levemente inclinado. Desta forma o resultado fica mais suave”.

Silvio Giorgio

“Compre uma escova de dente ou uma própria para sobrancelhas, é com elas que você vai pentear sua sobrancelha e descobrir as falhas. Use o lápis para imitar novos pelos, passando na direção dos naturais. Para manter tudo no lugar, aposte na máscara incolor por cima, no final”.

Daniel Hernandez

“Molhe o pincel chanfrado, tire o excesso de água e passe na sombra. Ela deve ter a cor mais próxima possível do seu pelo natural. Nas loiras, os melhores tons são os acinzentados e nas morenas, os tons de marrom. Nunca o preto, porque fica muito forçado! Você vai pintar fio a fio, na direção do crescimento”

Cris Biato

“Para marcar as sobrancelhas de forma natural, com o pincel chanfrado e uma sombra você vai acompanhar os pelos que estão na linha de cima da sobrancelha. Esqueça aqueles pelinhos que ficam embaixo. Eu costumo usar sombra em pó, mas você pode usar o lápis também. É só acertar sua cor”.

Fernando Torquatto

“Eu prefiro os produtos líquidos, em gel ou cremosos, quando é para fazer em casa. Eles são super fáceis de aplicar, têm uma cor suave e ficam super discretos. Passe por cima da sobrancelha e espere secar. Se borrar ou escorrer, é só passar o dedo que sai. Depois penteie com a máscara para cílios incolor, ela ajuda a deixar o produto homogêneo sobre os pêlos e fixa a cor”.

Fonte: M de Mulher

Como escolher o salão de beleza ideal?

Qualidade dos profissionais, ambiente agradável e cuidados de limpeza estão entre os fatores a se considerar. Descubra como identificá-los

como escolher o salao de beleza ideal Como escolher o salão de beleza ideal?

Foto: Thinkstock

Escolher um salão de beleza não é das tarefas mais fáceis. Além da qualidade e variedade dos serviços oferecidos, outros fatores pesam nessa decisão, como simpatia e confiança dos profissionais, flexibilidade e disponibilidade de horários, ambiente, bom atendimento e até a localização.

Pedir indicações para quem já conhece o lugar é um recurso bastante eficaz, mas e nos casos em que isso não é possível? Acontece, por exemplo, quando se muda de cidade ou quando um estabelecimento novo é inaugurado.

A internet e os smartphones têm grande potencial para ajudar a resolver esse impasse. Os aplicativos focados em salões de beleza ainda dão os primeiros passos, focando inicialmente o agendamento de horários, mas prometem se consolidar já a partir do ano que vem.

Salão Fácil, idealizado por uma startup pernambucana, é um deles. O app está na fase de cadastramento de instituições e seu lançamento está previsto para dezembro. Outros aplicativos nessa linha que também começam a se popularizar são: Salão VipHairbooking eTenhoReserva. Todos são gratuitos e possuem versões para web, Android e iPhone.

Enquanto isso, a escolha tem que ser feita da forma tradicional: pesquisando. Profissionais de salões reconhecidos pela qualidade de atendimento dão algumas dicas para ajudar na hora de escolher o seu. Confira:

1. O bom cabeleireiro é normalmente um bom ouvinte

Se no primeiro contato você já perceber que o profissional está mais preocupado em falar do próprio trabalho do que ouvir o que você quer, acenda a luz amarela.

“Acredito que a maneira cuidadosa de ouvir, tentar entender e atender a mulher são diferenciais a se considerar na hora de escolher o salão”, afirma o cabelereiro Wilson Eliodoro, que possui um salão em São Paulo. Respeito aos horários, qualidade e responsabilidade com a cliente e os serviços prestados são alguns fatores que diferenciam uma instituição de qualidade.

2. Salões de qualidade investem na capacitação de seus profissionais

Se para qualquer profissional, a atualização é importante, para quem trabalha com Moda e Beleza esse é um requisito fundamental. Novas tendências surgem a todo momento nas passarelas, nos eventos sociais e nas revistas e estar por dentro delas é um grande diferencial.

O Studio W em São Paulo possui um Centro de Formação próprio que oferece cursos semanais para todos os seus profissionais. “Visamos manter toda equipe atualizada quanto a novas técnicas de serviços, além de tendências de moda, beleza e assuntos culturais pertinentes à nossa atividade”, explica Rosângela Barchetta, sócia-diretora da instituição.

No salão liderado por Celso Kamura, os profissionais também passam por treinamentos e cursos de capacitação no Brasil. Juliana Vieira, gerente de Marketing do C. Kamura explica que a ideia é ter perfis variados de colaboradores para atender estilos diversos de clientes.

3. Instalações seguras e agradáveis demonstram preocupação com o bem-estar da cliente

Pare para pensar quantas horas você passa por mês dentro do salão de beleza. Esse tempo precioso dedicado a seu bem-estar tem que ser gasto no mínimo em um lugar em que você se sinta bem. Assim, esse também é um fator importante a ser considerado na escolha da instituição a que você irá confiar seus momentos de relaxamento e cuidado pessoal.

No Studio W, existe uma preocupação constante com o conforto das clientes. Além do planejamento de ambiente baseado em tecnologias modernas para salões, todas as unidades estão localizadas dentro de shoppings nas cidades de São Paulo, Barueri e Campinas. A ideia é proporcionar maior segurança, facilitar o estacionamento e otimizar o tempo das clientes, que podem solucionar diferentes necessidades no mesmo local, explica Rosângela.

4. Limpeza e uso de produtos de qualidade são indispensáveis para um serviço de excelência

Você sabia que os salões de beleza também devem se adequar a normas específicas da Vigilância Sanitária? Uma pergunta pertinente ao se visitar um novo salão é se o estabelecimento possui licença sanitária. Confira algumas das exigências para a obtenção dessa autorização de funcionamento:

  • Manter rotina de limpeza de pentes e escovas a cada cliente;
  • Usar toalhas limpas, que devem ser lavadas a cada uso;
  • Usar apenas produtos com registro na Anvisa. Fórmulas caseiras não são autorizadas;
  • Ceras quentes de uso descartável e individual;
  • Manter rotina de esterilização de materiais usados para manicure e pedicure. Eles devem estar embalados individualmente, informando a data de validade da esterilização;
  • É proibido usar formol no alisamento de cabelos;
  • Técnicas de estética como botox, preenchimento e bioplastia só podem ser realizados por profissionais médicos.

5. Tradição é um bom indício de qualidade e competência

Sabe aquele salão que abre e fecha toda hora no mesmo lugar só mudando de nome? Fique atenta! Uma empresa não dá certo por algum motivo e, dependendo de qual for, você não vai querer lhe dar uma nova chance. Tradição não é necessariamente sinônimo de boa qualidade de serviço, mas um salão bem conceituado e que já tenha bons anos de experiência costuma trazer maior confiança.

Fonte: Dicas de Mulher

Dormir com maquiagem faz mal mesmo?

Entenda por que ter um ritual de limpeza da pele é tão importante.

dormir com maquiagem faz mal mesmo Dormir com maquiagem faz mal mesmo?

Foto: Thinkstock

A cena é conhecida: você chega em casa esgotada e pensa: “Ah, só hoje vou dormir maquiada mesmo. Amanhã compenso cuidando bem da pele”. Errado! Muito errado!

Dormir com a maquiagem causa diversos problemas: você pode ganhar alergias, espinhas, irritação nos olhos. É só no dia seguinte que você chega à conclusão de que aqueles 10 minutos que “economizou” só deixaram marcas desagradáveis na pele. Preste atenção na coluna a seguir, você vai ver que um ritual de cuidados é gostoso e muito benéfico.

Por que dormir maquiada faz tão mal?

Dormir maquiada é um dos maiores erros que nós mulheres podemos cometer. Os produtos tapam os poros e não permitem que a derme respire corretamente. A médio prazo, a pele perderá a viscosidade, o brilho, se tornará mais oleosa e o envelhecimento acaba sendo acelerado. Não é isso o que você quer, não é mesmo?

Ficar tanto tempo com os produtos no rosto só aumenta o risco de uma alergia por contato. Mesmo a maquiagem tipo mineral, que causa menos alergia porque suas partículas são bem pequenas, faz mal à pele se não retirada, pois os poros se fecham e a pele não respira como merece. Só vale mesmo dormir com cremes noturnos, sempre recitados pelo seu dermatologista.

Primeiro passo: invista em um bom demaquilante

O ideal é você ter um demaquilante de boa qualidade para o rosto e outro específico para a região dos olhos (lápis, delineador, máscara para cílios e sombras) estes produtos são bem pigmentados e, por isso, a retirada deles é bem mais complicada. Esse produto é ótimo porque não deixa sobrar restos de maquiagem.

Dicas importantes: se você estiver fora de casa ou for viajar, vale usar xampu de bebê para lavar o rosto. E 12 horas é o limite de tempo que sua pele pode ficar maquiada. Mais que isso é exagero. E exagero entope os poros e causa todo aquele mal que você leu acima à pele.

O passo a passo da limpeza

Comece com os olhos. Coloque o demaquilante de olhos em um pedaço de algodão e feche os olhos. Passe com delicadeza e nunca de olhos abertos para não irritar ou levar restos de make para a área interna deles. O bacana é você ter paciência e repetir o processo até sentir que está sem produtos nos olhos.

Depois disso, pegue um algodão limpo e passe o demaquilante de rosto. Mesma coisa: só interrompa o processo quando sentir que está tudo limpo.

Em seguida, lave com água e sabonete (indicado para sua pele). Seque e passe um tônico, que ajuda a equilibrar o pH da pele. Se você usa creme noturno, só depois disso tudo você poderá espalhá-lo.

Pra ficar com a pele linda, aposte em:

  1. Demaquilante do tipo bifásico (que possui uma parte líquida e outra oleosa), isso porque ele ajuda a remover qualquer tipo de maquiagem sem causar irritação.
  2. Maquiagem de boa qualidade. Economizar nessa hora pode fazer você levar para casa um produto que cause alergia. Também vale a pena olhar a data de validade do produto. Nunca use nada vencido.
  3. Produtos certos para seu tipo de pele. Se for oleosa, use sempre produtos oil-free (livres de óleo). Se sua pele for mista, escolha os que controlam o óleo. Se for seca, opte pelos cremosos. Seu médico dermatologista pode (e deve) ajudá-la nessa missão.
  4. Produtos com filtro solar. Hoje em dia, as maquiagens também tratam a pele. É tudo de bom deixar a pele bonita de dentro pra fora.

Não adie a visita ao dermatologista

No mínimo, você deve se consultar duas vezes ao ano e contar sua rotina de beleza. É função do médico explicar a você o que está errado e o que pode melhorar nessa sua rotina. E é sua função seguir certinho esses cuidados, sua pele agradece.

Fonte: Dicas de Mulher

Maquiadores e cabeleireiros do SPFW antecipam a beleza da próxima estação

Nada de perfeição: a beleza da temporada outono/inverno 2014 é bagunçadinha e usável.

Quando o assunto é beleza em desfiles de moda, muitas pessoas começam a imaginar maquiagens e cabelos super conceituais e nada usáveis no dia a dia. No entanto, muito do que é visto nas passarelas pode sim ser aplicado ao nosso cotidiano.

Na edição outono/inverno 2014 da São Paulo Fashion Week, ficou bem fácil para o público se imaginar usando algumas das tendências mostradas.

Maquiagem

Segundo Fabiana Gomes, maquiadora sênior da M.A.C, que assinou a beleza da Forum e do Reinaldo Lourenço entre outras, o momento é bastante favorável às mulheres reais. “A beleza está em um momento menos perfeccionista, mais vida real”, ela explica. “Para a Forum, por exemplo, me inspirei na mulher paulistana cansada e estressada, com sombras e esfumados. Bem urbana”.

Essa pegada menos perfeitinha e mais natural esteve presente em vários desfiles da temporada. Cavalera, Colcci e Ronaldo Fraga são algumas das grifes que aboliram a simetria e o milimétrico para o inverno 2014. Juliana Rakoza, maquiadora que trabalhou no backstage da Cavalera e da Colcci na equipe de Robert Estevão, aponta as texturas naturais como grande marca das próximas estações. “A beleza vem sim mais natural, com a pele mais nua e muitos produtos em creme, que dão ar de saúde e viço à tez, mas tem que ter um foco de perfeição. Se quer olhos borrados, capriche na pele”, conta.

Marcos Costa, que assinou a beleza de Ronaldo Fraga e Lino Villaventura, optou pelos lábios marcados em tons escuros, revivendo a tendência do novo gótico e do grunge dos anos 1990. Para o desfile de Ronaldo, a cor escolhida foi um marrom cor de terra, criado especialmente para o show. No caso de Lino, a boca veio em um roxo fechado. “A boca vem marcada de cores fortes e escuras, mas a pele é o mais natural possível. Uma base leve, um bronzer e um iluminador são perfeitos para todas as estações e criam uma beleza atemporal”, explica.

Diferente de temporadas anteriores, as sobrancelhas ficaram como coadjuvantes. Os pelinhos foram deixados ao natural e despenteados, no máximo com um gel para pentear. Os cílios também entram na onda do “menos é mais” e aparecem com pouca ou nenhuma máscara. Para momentos mais ousados, os beauty artists apostam em bocas coloridas – mas não perfeitas, apenas manchadas com o batom -, olhos esfumados ou grafismos pontuais, como o delineado retíssimo do desfile de Fernanda Yamamoto.

Cabelos
Acompanhando a tendência da maquiagem mais natural, os cabelos apresentados nessa semana de moda são facilmente aplicados à rotina da mulher brasileira. Soltas ou presas, as madeixas apareceram em diversas texturas, acompanhando a pluralidade da mulher brasileira.

Ronaldo Fraga, Lino Villaventura e Alexandre Herchcovitch usaram fios frisados e meio presos para criar volume e uma textura mais árida. Quando apareceram soltos, os cabelos receberam apenas um finalizador de silicone ou um beach spray, mais “vida real” impossível.

 Fonte: Delas IG 

 

20 alimentos que deixam a pele, cabelos e unhas mais bonitos

A beleza também é influenciada pelos alimentos que comemos; conheça 20 delícias que vão ajudá-la a se manter sempre bonita.

Você é o que você come. A famosa afirmação também vale quando o assunto é beleza. Manter a pele hidratada e sem acne, as unhas fortes e os cabelos sedosos e brilhantes tem relação direta com o que comemos todos os dias. Ana Paula Raduan, dermatologista do Hospital Beneficência Portuguesa de São Paulo, declara: “A alimentação equilibrada e balanceada é o que vai nos dar as vitaminas e minerais essenciais para a pele, as unhas e o cabelo”. Ou seja, sem segredos, mas com muita verdura, legumes, frutas e carne de peixe ou frango, em especial, é possível se manter mais bela.

Mamão: rico em vitamina A, é importante para a renovação celular e recuperação dos tecidos, ajudando a manter a pele viçosa e aveludada, além de ter também efeito anti-acne.

Já os alimentos industrializados, com muito corante e conservante, como os salgadinhos, só fazem mal à sua beleza. Além deles, aquela combinação quase irresistível de hambúrguer e batata frita, cheia de gordura, também não vai ajudá-la a deixar a pele e o cabelo mais vistosos. Elisete Crocco, dermatologista e professora da Santa Casa de São Paulo, avisa que um estudo recente mostrou que uma dieta rica em alimentos hiperglicêmicos (carboidratos, açúcares, leite, sorvete, chocolate etc.) aumenta o trabalho das glândulas sebáceas, o que gera acne. “Uma rotina alimentar à base de peixes, muitos legumes e vegetais acarretou uma melhora do problema. Acne tem relação direta com a dieta”, alerta.

A dica de Marisa Resende Coutinho, nutricionista do Hospital São Camilo, é não exagerar em nada. “Uma alimentação equilibrada, com quantidades adequadas de nutrientes, regula todas as reações químicas e secreções hormonais dentro do nosso organismo”, diz. “Muitos acreditam que somente os cuidados externos com a pele são suficientes para que ela esteja sempre bonita. Na verdade, o que vem de dentro também é muito importante, ou seja, o que você come. Alguns alimentos fazem bem para o organismo, e a consequência disso se vê na pele”, finaliza.

Fonte: DELAS IG